Arquivo da tag: Soraya

( Contos ) Maligna – Soraya Abuchaim

Oii queridos. Claro que nesse mês de terror não poderíamos ficar de fora quando temos nada mais nada menos que a Rainha Dark Soraya Abuchaim como parceira. Por isso, a partir de hoje e durante as próximas quartas-feiras até o 31 de outubro, saíram para vocês resenhas dos contos selecionados desta tenebrosa escritora. O primeiro, não poderia ser mais assustador.

Título: Maligna Autora: Soraya Abuchaim Ano: 2018 Páginas: 10
Avaliação: ⭐⭐⭐⭐⭐

1-maligna-conto-de-soraya-abuchaim1Sinopse: Uma possessão, uma criança, o despertar do terror. Adélia ama sua filha Laura e faria de tudo para protege-la. Mas quando mortes estranhas começam a acontecer  em uma trilha de acasos que parece seguir Laura como uma sombra, Adélia começa a se perguntar porque os acidentes e mortes só acontecem quando a pequena está por perto. Em um enredo abrasador, Soraya Abuchaim coloca em cheque a perversidade escondida em uma criança e o que uma mãe é capaz de fazer para proteger seus segredos.

Quem me conhece sabe o quanto eu amo as histórias da Soraya Abuchaim. Muito embora terror não seja um dos meus gêneros favoritos, o suspense é e a autora sempre o coloca em suas páginas. Com uma narrativa fluída e densa como sangue, Soraya até mesmo nas menores histórias consegue nos deixar reflexivos e sedentos por muito mais.

O grande trunfo de Maligna são os personagens. Pois, muito embora o enredo não seja do mais originais (se você já viu a Orfã ou leu Menina Má pode notar certo grau de intertextualidade), as personagens principais dão o charme a mais que narrativa pede ao exemplificarem dois conceitos cruciais na sociedade mas completamente intocáveis, no sentido de serem reais mais impensáveis como verdades.

Adélia representa a mãe cega que não consegue enxergar a verdade sobre a filha. Ela é carismática e tem um discurso convincente de amor acima de qualquer suspeita. O que toda mãe deve fazer, mas claro sem tapar o sol com a peneira e sim repreender e entender as consequências dos atos de quem estamos criando para o mundo. Já Laura é a representação pura do lobo em pele de cordeiro. Somos trajados a acreditar nela, mesmo que tudo nos diga ao contrário. Através de Laura, Soraya nos mostra a perversidade que se esconde na doçura  e na inocência. O perigo de confiar nas aparências.

Maligna é uma história curta que tem muito a dizer. Se fosse elencar todas as possibilidades de discussão que esse conto tem a oferecer. Apenas posso dizer que para nosso mês das trevas, é uma dica sensacional para quem precisa enxergar além do que as aparências podem nos mostrar.

| RESENHA | A Vila dos Pecados – Soraya Abuchaim.

Olá pessoa que esta lendo esta matéria, como vai? Hoje é dia de resenha aqui no blog do livro maravilhoso da Soraya Abuchaim que foi lançado ontem e que fez o maior sucesso. E gentilmente ela cedeu um desses exemplares ao blog e eu li no início dessa semana.

Título: A Vila dos Pecados.
Autora: Soraya Abuchaim
Editora: Coerência.
Ano: 2017
Avaliação: 🌟🌟🌟🌟
Onde comprar: Site da Autora

image

SINOPSE: Final do século XIX. Enquanto o mundo passa por transformações importantes, existe uma vila inóspita, que vive à margem da civilização e que tem as suas próprias e estranhas leis. Lendas escuras a rondam e histórias macabras sobre Ponta Poente povoam o imaginário popular. Quando o padre Alfonso Anes, um exemplo vivo de amor e resignação, chega à vila para substituir o seu antecessor, depara-se com segredos que o farão duvidar da própria sanidade, e uma onda de mortes trará o caos para aquele lugar ermo. Quem estará a salvo? Serão estes segredos o fim de quem os esconde? O que esse universo tenebroso revelará para o mundo?

A Vila dos Pecados foi uma leitura cheia de emoções e que me deixou praricamente abobalhada com a natureza humana. Soraya Abuchaim conseguiu fazer com que meus sentimentos partissem da revolta e da paixão em diversos momentos, pois as características apresentadas por seus personagens durante o livro iam das mais odiosas as mais esperançosas. A psiquê humana foi incrivelmente bem detalhada, de modo que ficou verossímel as atitudes daquelas pessoas nas determinadas situações. E eu diria que um dos pontos que mais me impressionaram durante a leitura, foi o modo com o qual essas pessoas se desenvolveram durante o livro. Soraya demonstra em A Vila dos Pecados que nem todo mal é realmente feito apenas de coisas ruins. Assim como até as mais puras almas não são feitas apenas de bondade. Dentro da mente e do coração de cada ser humano existe a bondade e a maldade lutando entre si, e o que define quem nós somos é para qual lado vamos dar a medalha de campeão.

“Tudo se desenrola na escuridão, quando os justos e os honestos dormem. Ninguém é santo, não. Quem mais venerava o falecido era quem mais temia que seus segredos fossem descobertos.”

Em uma pequena comparação com o livro anterior Até Eu Te Possuir este teve uma evolução no quesito escrita, o que eu admito que fiquei absmada pois não achava possível. Mas na questão do detalhamento das emoções e das atitudes dos personagens, mesmo possuindo a plena consciência que são dois universos com histórias completamente diferentes, eu pude notar que as situações propostas pela autora saíram bastante do comum para a proposta da obra. No livro Ate Eu Te Possuir a situação comum de ciúmes e namoros foi um modo de enfatizar aquilo que Abuchaim proprunha no livro. Afinal de contas eram situações presentes naquele tipo de relação. Mas em A Vila dos Pecados houve uma exploração maior do extremo, onde cada situação criada, era um ápice dos sentimentos como se estes fossem elevados à milésima potência. Isso elevou o livro à um nova plataforma, onde o mistério se desenrolou com o drama e os sentimentos de medo, angústia, desejo e cumplicidade ganharam destaque.

“Ninguém chora as escondidas e lamenta o que passou se não viveu intensamente; mas tambem ninguém se recusa a comentar o passado se não tem algo à esconder.”

A única coisa que me deixou realmente apagada no decorrer da leitura, foi o fato de que o final, muito antes o meio do livro se tornou óbvio para mim. Eu sempre leio bastante livros de suspense. Além da ficção, esse é um dos meus gêneros favoritos. De modo, que quando você lê muitos livros de um mesmo gênero você acaba descobrindo certas lógicas que vão guiar ele. Na verdade é basicamente o esqueleto de um livro que irá definir o livro como pertencente de um gênero tal. Em A Vila do Pecados eu sabia que se tratava de um suspense e dessa maneira fui criando minhas suposições – todo mundo dá uma Sherlock Holmes nesse tipo de obra – com base no pré-determinado. E em dado momento, a sucessão de acontecimentos foram brotando quase como uma prova de que eu estava certa. Assim diminuiu o o ritmo da coisa e admito que fiquei com uma pontade de decepção quando fechei o livro e a teoria foi confirmada. Eu esperava um choque que infelizmente não veio. E vocês sabem meus amigo, suspenses precisam de um choque.

“É muito mais fácil ser conivente com o mal do que lutar contra ele.”

Contudo, livros para mim são somatório de coisas boas. E o livro da Soraya me deixou mais instigada que outra coisa. É uma leitura que realmente vale muito a pena. A autora nos convida a refletir sobre o que é realmente pecado, o que é errado, o que é certo, quais segredos nós escondemos e o que estamos dispostos para mantê-los assim. A Vila dos Pecados pergunta a cada um de nós se somos fiéis a nós mesmos ou reféns as situações e pessoas que nos cercam.

| SEMANAS ESPECIAIS | A Vila dos Pecados – Lançamento.

Oi gente. Hoje termina nossa semana especial de lançamento do livro da autota Soraya Abuchaim, A Vila dos Pecados. O livro já está em pré-venda no Site da Escritora saindo pelo preço de 40 reais + frete. Além disso você ainda ganha uma ecobag e um kit de marcadores + o não perturbe. 

image

Sinopse: Final do século XIX. Enquanto o mundo passa por transformações importantes, existe uma vila inóspita, que vive à margem da civilização e que tem as suas próprias e estranhas leis. Lendas escuras a rondam e histórias macabras sobre Ponta Poente povoam o imaginário popular. Quando o padre Alfonso Anes, um exemplo vivo de amor e resignação, chega à vila para substituir o seu antecessor, depara-se com segredos que o farão duvidar da própria sanidade, e uma onda de mortes trará o caos para aquele lugar ermo. Quem estará a salvo? Serão estes segredos o fim de quem os esconde? O que esse universo tenebroso revelará para o mundo?

O livro será lançado oficialmente no dia 27 de maio a partir das 15:00h na Livraria da Vila do Campinas Shopping. Comece a economizar suas moedinhas pois vai haver um coquetel e brindes para as pessoas que comprarem la.

Espero que tenham gostado. Beijos!!

| SEMANAS ESPECIAIS | A Vila dos Pecados – Personagens – Soraya Abuchaim.

Oii gente. Hoje é dia de tag aqui no blog sobre os personagens maravilhosos do novo livro da Soraya Abuchaim. Cada personagem apresenta um desafio relacionado a sua personalidade de modo que vocês tenham ideia de como eles são. Fiquem com este desafio.

Vamos lá?

1. Padre Bento: Um livro que tem religiosidade, mas que te deixou com inúmeras perguntas.

Não tem como escolher outro. O Código Da Vinci do Dan Brown que foi absolutamente magnífico.

image

2. Padre Alfonso: Um livro bonito, que deixa uma sensação esperançosa no peito.

A Cabana do William P. Young. Também é um livro religioso, mas que fala diretamente sobre Deus. É um livro magnifico e como disse a Vivi (Blog O Senhor dos Livros) passa uma mensagem maravilhosa para quem consegue entendê-la.

image

3. Dr. Pina: Um livro cujo um personagem te causa repulsa.

Normalmente eu gosto dos vilões, mas em A Saga Do Tigre o Lokesh conseguiu me causar repulsa de todos os modos possíveis. Pessoa nojenta essa.

image

4. Mirtes: Um livro que em que todos os personagens tem segredos.

Em Reiniciados de Terry Teri parecia que até o gato de Kyla tinha segredos, pois todos os personagens não eram confiáveis. Tanto que desconfiei de meio mundo de gente sem nunca achar o verdadeiro culpado, ato que se perdurou até o final do livro.

image

5. Gertrudes: Um livro que você pensou que era uma coisa, mas que o final foi completamente diferente.

Acho que sempre vou acabar mencionando o Harlan Coben no fim das contas, apesar de não querer ser repetitiva. Mas para qualquer pessoa que leu suas obras, sabe a capacidade impressionante de Coben nos enganar. O livro Confie Em Mim não foge a essa regra. Ele é impressionantemente bem escrito e me surpreendeu até – literalmente – a última página.

image

6. Teresa: Um livro com tema luxurioso e sem pudores.

O único livro que consigo pensar que se encaixa piamente dentro deste desafio é Peça-Me O Que Quiser De Megan Maxwell. Apesar de não ter gostado tanto do livro, eu não posso negar que a história – de todas as maneiras luxuriosas que você pensar – não tem pudores pois tudo está incluído no livro.

image

7. Marta: Um livro que tenha um personagem protetor.

O livro que escolhi é Procura-Se Um Marido da Carina Rissi. Apesar de Narciso ter morrido cedo na história, ele fez de tudo para proteger Alícia inclusive de si mesma.

image

8. Gustavo: Um livro que apesar da capa, tem a história madura e inteligente.

Todos os livros da Sarah Sheppard tem a capa com uma cor e uma boneca na frente. Em primeira visão, percebemos o quão infantil uma capa desse modo soa. Mas a sua história em si demonstra que não é nada disso. Feita de modo maduro e inteligente a história nos prende até o final. E então percebemos que a capa é uma representação clara do contexto. O amarelo representa a maneira com o qual sempre queremos parecer felizes. E a boneca, o quão frágil e moldável as meninas são.

image

9. Carlos: Um livro que mostre um personagem passivo ou sem muita coragem.

Nina da série Não Pare! Ela é bem passiva. Ainda mais porque aceita tudo de todo mundo. É irritante as vezes.

image

10. Rui: Um livro com personagens questionadores sobre os acontecimentos presentes nele.

É interessante ver quantos personagens se questionam sobre o que esta acontecendo de modo mais critico. Desse modo, vemos que quase nenhum escapa de serem apenas sofredores a mercê dos acontecimentos do que questionadores para se preocuparem com o que esta acontecendo. Um livro que demonstra bastante esse lado critico dos personagens é o livro Aristóteles e Dante Descobrem Os Segredos do Universo onde os rapazes estão sempre se perguntando sobre o significado das situações que vivenciam.

image

•*´¨`*•.¸¸.•*´¨`*•.¸¸.•*´¨`*•.¸¸.•*

Então gente, a tag foi esta espero que tenham gostado. Em breve os detalhes do lançamento do novo livro da Soraya Abuchaim estarão presentes aqui blog.

Beijos. Até a próxima.

[N.O.T.I.C.I.A] Saiu o novo livro de Soraya Abuchaim.

A obra A Vila Dos Pecados já esta disponível para compra através da Amazon.

Sinopse.

“Final do Século XIX. Enquanto o mundo passa por transformações importantes, existe uma vila inóspita, que vive à margem da civilização e que tem as suas próprias e estranhas leis. Lendas escuras a rondam e histórias macabras sobre Ponta Poente povoam o imaginário popular. 
Quando o padre Alfonso Anes, um exemplo vivo de amor e resignação, chega à vila para substituir o seu antecessor, depara-se com segredos que o farão duvidar da própria sanidade, e uma onda de mortes trará o caos para aquele lugar ermo.

Quem estará a salvo? Serão estes segredos o fim de quem os esconde? O que esse universo tenebroso revelará para o mundo?

Um suspense sinistro, que envolverá completamente o leitor e o levará a compartilhar dos segredos da Vila dos Pecados.

image

O livro foi escrito pela autora de Até Eu Te Possuir e já está entre os 50 mais vendidos de suspense da amazon. Não perca a oportunidade de adquirilo.