Arquivo da tag: lista

| LISTA | 05 livros que retratam o câncer.

Oii amores, tudo bom com vocês? Hoje é dia de mais uma lista em parceria com a Keth (Parabatai Books). Normalmente, há muitas campanhas para a prevenção dos mais variados tipos de câncer. Esse mês é  o Novembro Azul que fala sobre prevenção do câncer de próstata. Mas como o azul é uma cor que evoca esperança, esse mês mostrar livros que falem do câncer em geral pois é sempre bom bater na tecla da prevenção. Então, apesar da cor predominante dos posts, esse mês vai ser pontuado por — entre outras coisas — um manifesto a favor de quem luta contra e para a prevenção do câncer.

Na lista de hoje, escolhi cinco livros que falam sobre o câncer com personagens que me pareceram fortes para lutar contra a doença. Mas são personagens que acima de tudo se mostraram altruísta e sonhadores mesmo com todas as dificuldades que enfrentaram.

Vamos lá?

1. Antes De Partir – Colleen Oakley.

image

Sinopse: Na véspera do que esperava ser uma triunfante comemoração de três anos livre do câncer, Daisy, 27 anos, sofre um golpe devastador: seu médico lhe diz que a doença está de volta, desta vez ainda mais agressiva. Tendo apenas de quatro a seis meses de vida, ela está apavorada com o que será de seu marido, Jack, quando não estiver mais lá para cuidar dele. Esse medo tira seu sono, até que uma solução lhe vem à mente: ela precisa encontrar outra mulher para ele. Com uma determinação singular, Daisy visita parques, cafeterias e sites de relacionamento à procura do par perfeito para Jack. Mas, à medida que ela avança em sua busca, ela se vê forçada a decidir o que é mais importante no curto tempo que lhe resta: a felicidade de seu marido ou a sua própria?

O primeiro livro tem uma história clássica de amor ao próximo e altruísta. A personagem principal, Daisy, me parece porem estar fragilizada pois embora queira estar no controle da situação de seu marido, ela parece perder um pouco de si ao se recusar a olhar para os dois e ver que talvez ele queira ficar perto dela sem se preocupar com o depois. Fico curiosa com o desenrolar de tudo.

2. A Estrela Que Nunca Vai Se Apagar – Esther Earl, Lori e Wayne Earl.

image

Sinopse: Diagnosticada com câncer da tireoide aos doze anos, Esther Grace Earl era uma adolescente talentosa e cheia de vida. Fazendo jus ao nome, que em persa significa “estrela”, ela marcou todos em seu caminho com sua generosidade, esperança e altruísmo enquanto enfrentava com graciosidade o desgaste físico e mental causado pela doença. Filha, irmã e amiga divertida, alto-astral e inspiradora, Esther faleceu em 2010, logo após completar dezesseis anos, mas não sem antes servir de inspiração para milhares de pessoas por meio de seu vlog e dos diversos grupos on-line de que fazia parte. A estrela que nunca vai se apagar é uma biografia única, que reúne trechos de diários, textos de ficção, cartas e desenhos de Esther. Fotografias e relatos da família e de amigos ajudam a contar a história dessa menina inteligente, astuta e encantadora cujos carisma e força inspiraram o aclamado autor John Green a dedicar a ela sua obra best-seller A culpa é das estrelas.

Apesar de não ser a maior fã de A Culpa É Das Estrelas, tenho que admitir de que mesmo apenas lendo a sinopse da biografia garota que inspirou o livro me deixa emocionada. A história de Esther é inspiradora e mesmo não curtindo o gênero, quero sim dar uma chance ao livro e conhecer um pouco dessa garota maravilhosa.

3. Como Viver Eternamente – Sally Nicholls

image

Sinopse: Sam ama fatos. Ele é curioso sobre óvnis, filmes de terror, fantasmas, ciências e como é beijar uma garota. Como ele tem leucemia, ele quer saber fatos sobre a morte. Sam precisa de respostas das perguntas que ninguém quer responder. ”Como Viver Eternamente”, é o primeiro romance de uma extraordinária e talentosa jovem autora. Engraçado e honesto, este é um livro poderoso e comovente, que você não pode deixar de ler. A autora tem apenas 23 anos e embora seja seu primeiro livro, ele está sendo lançado em 19 países, dirigido a crianças, adolescentes e adultos.

Acho que esse deve ser o livro mas fofo da lista. Por se tratar de um livro sobre uma criança, não deve conter apelos de romance romântico o que me deixa encantada com a premissa do livro. A abordagem da autora é a utilização de problemas comuns à idade do jovem Sam. O que representa o quão normal uma criança pode ser condições.

4. A Mais Pura Verdade -Dan Gemeinhart.

image

Sinopse: A Mais Pura Verdade – Em todos os sentidos que interessam, Mark é uma criança normal. Ele tem um cachorro chamado Beau e uma grande amiga, Jessie. Ele gosta de fotografar e de escrever haicais em seu caderno. Seu sonho é um dia escalar uma montanha. Mas, em certo sentido um sentido muito importante , Mark não tem nada a ver com as outras crianças. Mark está doente. O tipo de doença que tem a ver com hospital. Tratamento. O tipo de doença da qual algumas pessoas nunca melhoram. Então, Mark foge. Ele sai de casa com sua máquina fotográfica, seu caderno, seu cachorro e um plano. Um plano para alcançar o topo do Monte Rainier. Nem que seja a última coisa que ele faça. A Mais Pura Verdade é uma história preciosa e surpreendente sobre grandes questões, pequenos momentos e uma jornada inacreditável.

Também narrado em segunda pessoa, a mais pura verdade me tocaria mas por outro motivo. O livro não parece ser leve e sim pautado de emoções mais pesadas como raiva e sofrimento. Mas também é um livro que fala de autoconhecimento onde um garoto utrapassa as barreiras que a sociedade criou para ele.

5. Um Amor Para Recordar – Nicholas Sparks.

image

Sinopse: Cada mês de abril, quando o vento sopra do mar e se mistura com o perfume de violetas, Landon Carter recorda seu último ano na High Beaufort. Isso era 1958, e Landon já tinha namorado uma ou duas meninas. Ele sempre jurou que já tinha se apaixonado antes. Certamente a última pessoa na cidade que pensava em se apaixonar era Jamie Sullivan, a filha do pastor da Igreja Batista da cidade. A menina quieta que carregava sempre uma Bíblia com seus materiais escolares. Jamie parecia contente em viver num mundo diferente dos outros adolescentes. Ela cuidava de seu pai viúvo, salvava os animais machucados, e auxiliava o orfanato local. Nenhum menino havia a convidado para sair. Nem Landon havia sonhado com isso. Em seguida, uma reviravolta do destino fez de Jamie sua parceira para o baile, e a vida de Landon Carter nunca mais foi a mesma.

Um Amor Para Recordar é um dos meus livros favoritos. Ler esse livro foi uma experiência única que somente Nicholas Sparks poderia nos proporcionar.  O autor nos apresenta dois personagens que vão além do simplório mesmo que tenham uma relação cliché de badboy + garota tímida. Mas nesse livro o que esta em jogo é o crescimento que todos os personagens possuem durante esta trajetória.

*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*

Bom amores, essa foi a lista de hoje espero que tenham gostado. Não se esqueçam de ver a lista da Keth também.  E caso tenham alguma sugestão de quais listas queira ver aqui no blog fique à vontade para deixar nos comentários. Beijos.

Anúncios

| LISTA | 05 livros de terror.

Oii amores, tudo bem com vocês? Hoje é dia de mais uma lista aqui no blog em parceria com a Keth (Parabatai Books). Não deixem de conferir a lista dela também. Como, hoje é dois de outubro, início do mês de Halloween, a lista é sobre livros de terror. Vou adicionar alguns que pretendo ler este mês. Espero que vocês gostem.

1. O Bazar dos Sonhos Ruins — Stephen King.

image

Esse livro pretendo ler juntamente com a Keth esse mês e é uma coletânea de contos de terror. Como amei ler o livro It – A Coisa nesse semestre, espera gostar da leitura do livro também.

2. Fantasmas do Seculo XX — Joe Hill.

image

Esse livro de Joe Hill está na minha lista à alguns anos e finalmente espero conseguir ler ele. Parece ser maravilhoso e cheio de terror. Vamos ver se ele consegue me assustar pois até agora nenhum livro que li conseguiu essa façanha.

3. Frankstein – Mary Shelley

image

Para a TBR de livros que pretendo ler no Desafio Literário Cultura, este é o dessa semana para completar o ítem “Um livro que foi proibido de ser lançado”.

4. O Verão Das Bonecas Mortas — Toni Hill.

image

Quando eu vi esse livro pela primeira vez fiquei maluca por ele apesar da capa ser bem feia. Mas o título e a premissa (Praticamente Chuck ataca novamente) me chamaram bastante a atenção. Espero gostar bastante dele.

5. O Manuscrito — Chris Pavone.

image

Por fim, O Manuscrito eu descobri pelo acaso e embora não tenha certeza se ele é de terror ou suspense quero ler esse mês. Afinal de contas todos os detalhes de capa e me chamam bastante a atenção de que seja esse o gênero.

 

*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*

 

Então gente, essa foi a lista desse mês. Espero que vocês tenham gostado. Não se esqueçam de ver a lista da Keth também. Beijos.

| LISTA | 05 Livros Para Ler No Verão

Oii gente. Eu e a Keth (Parabatai Books) estamos de volta com as listas para vocês depois desse longo mês de recesso. Agora ao invés de sair nos dias 30 de cada mês, para ficar mais organizado decidimos deixa-las na segunda sexta feira de cada mês. Nesse mês, vamos fazer listas opostas. A Keth vai trazer no post dela livros para ler no inverno e eu no verão, já que estamos nesse chove/calor. Espero que gostem.

Vamos começar?

01 👑 O Teorema Katherine

image

Muitas pessoas não gostam desse livro, mas eu o considero um dos melhores livros de romance levinhos do Young Adult para se ler. É uma história simples e bem contada sobre nada mais nada menos que o término de um namoro. Além do fato que Colin, Hassan e Lindsay são hilários.

02 👑 Nove Regras A Ignorar Antes de Se Apaixonar

image

Mais ou menos há dois meses eu li o primeiro livro da série da Os Números Do Amor da Sarah MacLean e fiquei absolutamente encantada por ele. Foi o melhor da trilogia e além de ser um livro leve e divertido é também quente combinando perfeitamente com esta época do ano.

03 👑 Simon Vs A Agenda do Homo Sapiens

image

O livro de Becky Albertalli conta a história de um garoto gay que ainda não conseguiu contar as pessoas sobre isso, mas que um dia o ser chantageado com este segredo Simon começa a pensar em se libertar das amarras. Este livro foi de certa forma, uma grata surpresa. Já havia lido um livro com o tema de homossexualismo antes e o achado bem estereotipado. Mas Simon Vs A Agenda do Homo Sapiens foi interessante e promissor.

04 👑 A Noiva Devota

image

Acho que em quase todas as listas que dê margem a romance ou comédia eu vou acabar por citar um livro da Mari Scotti. É uma das minhas autoras favoritas e o livro de Rosalina está no top cinco dos meus favoritos da autora. Leve e apaixonante, foi bem diferente perceber como a autora desenvolveu a história de modo nenhum pouco convencional.

05 👑 O Diário da Princesa

image

Todo mundo já assistiu Anne Hathaway como Mia e ficou apaixonado pela princesa de Genóvia. Imagine ler o diário da princesa e entrar em sua cabeça? Esse livro foi maravilhoso e de certa forma surpreendente. Muita coisa das telonas é bem diferente da obra, mas nem por isso os livros são inferiores. Com uma narrativa simples, Meg Cabot encanta.

⁝⁞⁝⁞⁝⁞⁝⁝⁝⁞⁝⁞⁝⁞⁝⁝⁝⁞⁝⁞⁝⁞⁝

Então é isso. Espero que tenha gostado da lista e sentido vontade de ler uma dessas obras. Até a próxima. Beijos.

| L.I.S.T.A. | 05 Livros Para Ler Este Ano

Oi gente! Como vão? Vou finalmente retornar as listas com cinco livros para ler esse ano. Aqueles livros que temos necessidade de ler seja porque vai no cinema ou mesmpo que desejamos muito contemplar a leitura. Essa lista tem muita cara de janeiro, mas como eu sou universitária meu ano literário começa nas férias e por isso vou aproveitar para ler bastante.

Confira as respostas abaixo.

1. Corte de Espinho e Rosas da Sarah J. Maas.

Esse é um livro que tenho enrolado para ler porque queria ler ele físico. Porém deste ano não passa! Preciso ser ele e consequentemente seu sucessor Névoa e Fúria.

image

Sinopse: Depois de anos sendo escravizados pelas fadas, os humanos conseguiram se libertar e coexistem com os seres místicos. Cerca de cinco séculos após a guerra que definiu o futuro das espécies, Feyre, filha de um casal de mercadores, é forçada a se tornar uma caçadora para ajudar a família. Após matar uma fada zoomórfica transformada em lobo, uma criatura bestial surge exigindo uma reparação. Arrastada para uma terra mágica e traiçoeira que ela só conhecia através de lendas , a jovem descobre que seu captor não é um animal, mas Tamlin, senhor da Corte Feérica da Primavera. À medida que ela descobre mais sobre este mundo onde a magia impera, seus sentimentos por Tamlin passam da mais pura hostilidade até uma paixão avassaladora. Enquanto isso, uma sinistra e antiga sombra avança sobre o mundo das fadas e Feyre deve provar seu amor para detê-la… Ou Tamlin e seu povo estarão condenados.

2. The Kiss Of Deception de Mary E. Pearson.

Outro livro que tenho bastante vontade de ler e que está na lista desse ano é este da série As Crônicas de Amor e Ódio que me parece ser um ótimo livro, ainda mais agora que descobri que o livro não é tão romântico quanto aparenta.

image

Sinopse: Tudo parecia perfeito, um verdadeiro conto de fadas menos para a protagonista dessa história. Morrighan é um reino imerso em tradições, histórias e deveres, e a Primeira Filha da Casa Real, uma garota de 17 anos chamada Lia, decidiu fugir de um casamento arranjado que supostamente selaria a paz entre dois reinos através de uma aliança política. O jovem príncipe escolhido se vê então obrigado a atravessar o continente para encontrá-la a qualquer custo. Mas essa se torna também a missão de um temido assassino. Quem a encontrará primeiro.

3. Loney de Andrew Michael Hurley.

Esse livro eu descobri no blog da Cris (Platarforma 9¾) e desde então me pego querendo ler ele. Finalmente, esse ano, vou realizar essa leitura que deve ser incrível.

image

Sinopse: Quando os restos mortais de uma criança são descobertos durante uma tempestade de inverno numa extensão da sombria costa da Inglaterra conhecida como Loney, Smith é obrigado a confrontar acontecimentos terríveis e misteriosos ocorridos quarenta anos antes, quando ainda era criança e visitou o lugar. À época, a mãe de Smith arrastou a família para aquela região numa peregrinação de Páscoa com o padre Bernard, cujo antecessor, Wilfred, morrera pouco tempo antes. Cabia ao jovem sacerdote liderar a comunidade até um antigo santuário, onde a obstinada sra. Smith crê que irá encontrar a cura para o filho mais velho, um garoto mudo e com problemas de aprendizagem. O grupo se instala na Moorings, uma casa fria e antiga, repleta de segredos. O clima é hostil, os moradores do lugar, ameaçadores, e uma aura de mistério cerca os desconhecidos ocupantes de Coldbarrow, uma faixa de terra pouco acessível, diariamente alagada na alta da maré. A vida dos irmãos acaba se entrelaçando à dos excêntricos vizinhos com intensidade e complexidade tão imperativas quanto a fé que os levou ao Loney, e o que acontece a partir daí se torna um fardo que Smith carrega pelo resto da vida, a verdade que ele vai sustentar a qualquer preço.

4. O Silêncio dos Inocentes de Thomas Harris.

Meu gênero favorito é o suspense. A maioria dos meus livros são de suspense. E mesmo assim, eu nunca li esse livro. Dá para acreditar? Esse ano eu mudo isso.

image

Sinopse: Cinco mulheres são brutalmente assassinadas em diferentes localidades dos Estados Unidos. Para chegar até o sanguinário assassino, uma jovem treinada pelo FBI entrevista o Dr. Hannibal Lecter, um brilhante psiquiatra, cuja mente está perigosamente voltada para o crime. Ao seguir as pistas apontadas por Lecter, a jovem se vê envolvida numa teia mortífera e surpreendente.

5. Brooklyn de Cólm Tóibín.

Esse livro possuí um filme que nunca assisti. Mas através de um trailer presente no meu DVD de Jogos Vorazes – A Esperança – Parte Dois, eu conheci o livro que dizia que tinha base no filme homônimo. Desde então tenho muita vontade de ler a obra.

image

Sinopse: No início dos anos 1950, a Irlanda não oferece futuro para jovens como Eilis Lacey. Sem encontrar emprego, ela vive na pequena Enniscorthy com a mãe viúva e a irmã Rose. Mas eis que o padre Flood lhe faz uma oferta de trabalho e moradia no Brooklyn, Estados Unidos. De início apavorada com a ideia de sair do ninho familiar, ela acaba partindo rumo à América. Triste e solitária em seu novo mundo, a tímida Eilis acaba por estabelecer uma rotina de trabalho diurno e estudo noturno na faculdade de contabilidade. No baile semanal da paróquia, conhece um jovem de origem italiana que aos poucos entra em sua vida. Mas quando começa a se sentir mais livre e segura, Eilis é obrigada a voltar, por algumas semanas, para Enniscorthy. E ali ela se vê, mais uma vez, diante de uma escolha que poderá modificar sua vida.

︻︼︻︼︻ ︻︼︻︼︻ ︻︼︻︼︻

Gostaram?

Não vou marcar nenhum blog para fazer, mas adoraria ver as respostas de vocês caso façam. Então se for fazer deixa um comentário. Mil beijos.

| RESENHA | A Lista Negra – Jennifer Brown

Sinopse: E se você desejasse a morte de uma pessoa e isso acontecesse? E se o assassino fosse alguém que você ama? O namorado de Valerie Leftman, Nick Levil, abriu fogo contra vários alunos na cantina da escola em que estudavam. Atingida ao tentar detê-lo, Valerie também acaba salvando a vida de uma colega que a maltratava, mas é responsabilizada pela tragédia por causa da lista que ajudou a criar. A lista com o nome dos estudantes que praticavam bullying contra os dois. A lista que ele usou para escolher seus alvos. Agora, ainda se recuperando do ferimento e do trauma, Val é forçada a enfrentar uma dura realidade ao voltar para a escola para terminar o Ensino Médio. Assombrada pela lembrança do namorado, que ainda ama, passando por problemas de relacionamento com a família, com os ex-amigos e a garota a quem salvou, Val deve enfrentar seus fantasmas e encontrar seu papel nessa história em que todos são, ao mesmo tempo, responsáveis e vítimas. A lista negra, de Jennifer Brown, é um romance instigante, que toca o leitor; leitura obrigatória, profunda e comovente. Um livro sobre bullying praticado dentro das escolas que provoca reflexões sobre as atitudes, responsabilidades e, principalmente, sobre o comportamento humano. Enfim, uma bela história.
image

Falar de livros que me tocam profundamente é uma tarefa difícil. As minhas emoções interferem e não consigo fazer uma resenha clara, nem muito objetiva. Então, se caso eu parecer muito confusa durante este post, por favor me perdoe pois o fato é que esta obra me emocionou de tal maneira que ficará imensamente complicado de falar sobre ela.

O livro A Lista de Negra de Jennifer Brown foi tudo que eu esperava e mais um pouco. Cada pedaço do livro foi trabalhado para que entendamos que brincadeiras aparentemente inocentes e sutis pode causar na mente de uma pessoa. Pois o bullying pode gerar uma raiva profunda e um desejo de vingança que foi extravasado através da raiva pelo namorado da nossa protagonista, Nick Levil. Como todos sabem o ambiente escolar, principalmente o ensino médio, é um palco recorrente para o bullying. As pessoas fazem brincadeiras umas com as outras e principalmente umas das outras. Por isso, o cenário da escola é tão usado para fazer uma narrativa sobre bullying tornando-o clichê. Mas Brown consegue fazer com que seja uma trama inesperada sobre dor, medo e revolta. E principalmente, sobre entendimento: tentar entender qual o imapcto de tais atos na mente dos adolescentes.

A Lista Negra era apenas um modo de estravazar as dores e nunca esquecer quem já tinha feito algum mal para Valerie e Nick. Não eram alvos reais, mas sim alvos imaginários onde os pensamentos de ódio e desejos de morte eram o máximo que poderia acontecer. Mas quando Nick passa a ter como ideia dominante realmente exterminar aquelas pessoas, Valerie não percebe que as brincadeiras tomaram proporções enormes. Ela estava cega pelo ódio e também pelo amor que sentia (e ainda sente) pelo seu ex namorado.

A volta de Val para escola foi surpreende e incrível. Esperava que seus antigos amigos tentassem ao menos lhe entender e que os antigos inimigos lhe detestassem. A coisa fluiu quase como ao contrário. Pois os amigos tinham vergonha do que tinha acontecido e não queriam se associar a garota. Os inimigos usaram o que tinha acontecido – pelo menos uma parte deles – para refletir sobre suas atitudes e mudar suas ações. É estranho pois assim como Valerie, passei boa parte do livro achando que era uma grande vingança se armando até finalmente enxergar o que estava acontecendo.

De todas as passagens do passado de Valerie após o ataque, mesmo que a volta para escola seja realmente bem tensa, os núcleos envolvendo o passado desde o dia do massacre até as idas da jovem ao pisquiatra foram as que mais me tocaram já que é realmente onde ela conta sua versão da história. As palavras com o qual ela descreve as situações que passou, como realmente via o que acontecia foram extensivamente emocionais. Pois percebemos que o bullying é o ataque as diferenças. Quando Valerie ainda era uma moça que se vestia e agia como todas as garotas de sua escola não haviam palavras hostis ou troças em sua direção. Mas após sua mudança – quando ela finalmente descobriu quem realmente era – as pessoas passaram a ver essa mudança como uma aberração e a repudiaram por isso. Uma situação que é tão absurdamente comum nos dias de hoje que faz com que o livro atravesse as barreiras da ficção e ganhe aquele pingo de verossimidade, pois quantas vezes não vemos ataques as diferenças? Seja porque você é alto de mais, magro de mais? Seja porque você tem o estilo mais gótico ou mais hippie?

Desse modo, Jennifer Brown criou uma obra que beira a realidade e que poderia acontecer com qualquer pessoa. Todos somos sujeitos a sofrer bulliyng ou mesmo pratica-lo. Devemos ter cuidado com nossas palavras e refletir sobre o que fazemos. Nem tudo que parece brincadeira é realmente uma brincadeira. Pois estas podem tomar proporções inacreditáveis gerando ações irreversíveis.    A Lista Negra irá te expor e te fazer refletir sobre isto.

Título: A Lista Negra
Titulo Original: Hate list
Autora: Jennifer Brown
Editora: Gutenberg
Avaliação: 🌟🌟🌟🌟🌟⭐

[L.I.S.T.A] 10 Livros Quase Ninguém Conhece.

Oi gente. Estou aqui para uma lista do blog, só que dessa vez, em vez de 05 livros vão ser 10 por um motivo bem especial. Vamos (lembrando que a Keth do blog Parabatai Books está fazendo elad junto comigo, não deixem de conferir), falar sobre que são desconhecidos por muitas pessoas. Ou, como no caso de alguns que eu escolhi, são pouco mencionados em redes sociais e por isso não tem muito sucesso aqui no Brasil principalemente.

1. Montanha da Lua – Mari Scotti.

O primeiro livro que escolhi foi a obra da autora Mari Scotti que quando eu li fiquei apaixonada pela história de Mical e Octávio. Esta livro é de época e fala sobre um romance entre uma moça solteirona de muita personalidade e seu salvador Octávio. Porém, uma maldição faz com que Octávio fuja do amor que sente por Mical por medo que ela morra e ele a perca. É um livro muito bom, que vale muito a pena ler.

image

2. Segunda Sombria – Nicci French.

Este livro conta a história de uma psicanalista chamada Frieda Klein, que depois que um garotinho some em uma segunda feira, ela encontra semelhanças entre esse desaparecimento e os sonhos de um paciente. Dessa forma, ela percebe que desvendar os segredos da mente desde é o que se precisa para chegar a fundo no que realmente aconteceu. Eu gosto bastante desse livro, pois ele é muito diferente do que estou acostumada a um suspense policial, já que a mente é o foco da narrativa. Sem contar que o final é surpreendente.

image

3. O Caminho Do Poço Das Lágrimas – André Vianco.

Dessa lista eu diria que esse é o meu segundo livro favorito, pois a narrativa e a história dele me tocaram e me surpreenderam em um grau impressionante. Como meu primo Kristhian costuma dizer, o Vianco te diz que o céu é roxo, te convence disso para no final você descobrir o que sempre esteve a sua e que o céu é na realidade azul. Eu amei esse livro, e só não conto um pouquinho dele porque o risco de sair um spoiler no meio é muito grande.

image

4. As Areias do Tempo – Sidney Sheldon.

Apesar de ter livros muito famosos e de enredos mirabolantes, por algum motivo, um dos autores que eu menos vejo ser mencionado entre os leitores é o Sidney Sheldon. E menos ainda, esta obra dele que remonta o pós à Guerra Civil Espanhola que ainda fragmentado esta em guerra contra as milicias separistas. Nesse cenário hostil, em um convento em Madri, quatro freiras com segredos terríveis são incubidas de transportar um objeto valioso ate outra catedral e mante-lo em segurança. Só no que no caminho elas então conhecem o amor e o perigo que podem ter fins bonitos ou trágicos.

image

5. Masterpierce – Elise Broach.

Assim como o livro de André Vianco, eu conheci este livro atraves do meu primo que me convenceu a ler a obra de Broach e que foi apaixonante. Engraçado dizer isso, por que é uma história um tanto bestinha da amizade inesperada entre um besouro pintor e um garotinho que acabam se envolvendo em um crime no mundo das artes. É uma história convincente e cheia de imagens que tornam a leitura prazerosa.

image

6. Real, Louco, Mortal – Hanna Jeyne.

Esse livro de suspense adolescente é bem interessante. Ele conta a história de uma garota que depois de muito tempo ser atormentada e ameaçada pelo namorado, este morre num acidente de carro. Só que tempos depois, a garota recebe uma mensagem que diz claramente que alguém a teria salvado do seu agressor. A partir daí, ela começa a ver seu mundo virado de cabeça para baixo ao ser aterrorizada por esta pessoa.

image

7. Reencontro – Leila Krüger.

Com um pouco de música, Leila Krüger nos conta uma história de dor e superação quando tudo aparentemente esta indo por água abaixo. De modo emocionante, ela nos dá uma visão de que as drogas e bebida pode levar uma pessoa ao fundo do poço, mas com fé e amor, principalmente daqueles que mais nos querem bem, é a mão que precisamos para nos ajudar a levantar. Gostei bastante desse livro. Ele é maravilhoso e emocionante.

image

8. O Milagre de Clarinha – Joana Amorim.

Uma das minhas leituras mais recentes, o milagre de Clarinha conta para nós uma história infantil sobre como devemos ensinar as crianças a não confiarem em estranhos e como elas devem ser sempre vigiadas de perto pelos pais. Cheio de ilustrações e um livro rápido de ser livro, este livro é muito bonito e tem o dom de encantar pessoas de todas as idades.

image

9. Deixa-Me Entrar – Leticia Godoy.

Também lido recentemente,Deixe-me Entrar da Leticia Godoy foi um livro muito diferente do que eu esperava para ele, o que foi muito bom, já que por ser sobre vampiros eu não esperava tanto. Mas é simplesmente maravilhoso.

image

10. Reconstruindo Amelia – Kimberly McGreith.

E por último, mas não menos importante tem este livro da Kimberly McGreith que é maravilhoso e que deve ser o mais conhecido dessa lista porém nem tanto. Muito raramente eu ouço falar nele, e quase todo mundo que fala dele para mim foi porque eu indiquei ou porque fui atrás. Pois, para quem não leu, eu digo que não percam tempo pois os porquês dessa história são magníficos.

image

Então gente, essa foi a lista deste mês, na próximo sai mais uma bem quentinha do forno com um tema diferente. Espero que tenham gostado e não esqueçam de ver a resenha da Keth.

Beijos.

{L.I.S.T.A} 05 Livros Para Se Apaixonar

Oii gente! Eu e minha parceira Keth do blog Parabatai Books estamos fazendo com carinho pequenas listas pra vocês com temas escolhidos a dedos que começaram a sair nos blogs (meu e dela) todo dia 20 dos mês. Espero que vocês gostem.

A primeira lista que escolhemos é sobre livros de romance pois são realmente maravilhosos e não há como não ama-los. Para isso escolhi alguns temas sobre livros desse tipo porque ficaria mais fácil escolher entre os amorzinhos.

Comédia Romântica.

Comédia Romântica abrange também os famosos Chick Lit e dentro desses eu tenho minha autora favorita que é a Carina Rissi. Sou apaixonada pelas obras dela pois todas envolvem esse ar de problemas pessoais associados aos romances de arrancar suspiros. E o livro que escolhi dela foi Procura-Se Um Marido que vai contar a história de Alícia e Max onde a moça para recuperar a herança arranja um marido falso pelo qual não esperava nutrir sentimentos no fim das contas.

image

Romance Dramático.

Eu não tenho muita tendência a ler esses tipos romance pois eu sou não sou do tipo que gosta de chorar bastante durante a leitura. Porém, alguns foram sendo absorvidos ao longo do caminho e um que me fez rir e chorar e ainda por cima querer mais da história foi o livro Uma Curva Na Estrada do Nicholas Sparks. É um livro que me dá um sentimento que eu não sei explicar de onde vem e o que é, mas sei que é de uma maneira boa.

image

Romance de Época.

Romance de Época é sem dúvida o meu tipo de romance favorito. Talvez seja o mundo passado que me encante ou a forma como as pessoas vivem mas eu sou apaixonada por essas histórias e sei que muita gente assim como eu também. Foi bem difícil escolher um livro de época só porém eu tinha que fazer né? O livro eleito foi O Príncipe do Canalhas de Loretta Chase. Tem uma resenha dele aqui no blog e eu lá eu conto todo meu amor por essa obra.

image

Romance Adolescente

Romance adolescente também não é um tipo de livro eu ame porém quando encontro um bom não tem como não me apaixonar por ele. Para um livro nesse estilo escolhi um que é 8 ou 80 para nós leitores. Ou amamos de mais o livro ou odiamos. O Teorema Katherine de John foi uma obra que eu não tive como não pois ele é super bem humorado e conta uma história com um caráter verdadeiro e apaixonante. Eu não entendo como algumas pessoas não curtem esse livro, mas como gosto não se discute…

image

Saga Romântica.

Por ultimo, uma saga romântica daquelas de suspiros eternos são bem comuns na literatura e para quem gosta do estilo uma boa pedida para se emendar numa longa série com personagens que ao longo do tempo vão se tornando nossos amigos.  A saga que escolhi foi uma fantástica da Lisa Kleypas chamada Quatro Estações do Amor que pouca gente conhece, mas que tem fãs alucinados. Eu sou uma dessas fãs e todos os livros desse quarteto são incríveis.

image

Bem pessoal espero que tenham gostou.
Se sim, deixa sua opnião e diz se já leu ou pretende ler uma dessas belezinhas.

Até o próximo post 🌟💙