Arquivo da tag: e-book

Quando Uma Garota Entra Em Um Bar – Helena S. Paige.

“Então você se arrumou toda para uma noite de amigas, daquelas onde só as mulheres participam, mas suas amigas mudaram de planos sem avisar e, agora, você está sozinha em um bar superbacana, arrumada e perfumada, e sem saber bem para onde ir… O que você faz? Aproveita que já está por ali, pede uma tequila e dá uma boa olhada no yuppie que está na mesa ao lado? Ou pede uma cerveja e vai pra perto do palco arrebatar o baterista? Pode ser que você prefira uma paquera com o rapaz de botas de bico fino e músculos trabalhados que está encostado à parede. Ou, quem sabe, tomar um café com o bombeiro que está cuidando da segurança dos clientes e que, neste instante, está verificando o funcionamento do extintor… E isso tudo só pra começar! A escolha é sua — e você tem um mundo de possibilidades nesta noite que parecia começar mal! Só não espere que esta experiência seja como outra qualquer, porque esta noite ficará definitivamente marcada em sua memória de erotismo e paixão. Divirta-se com esta definitiva experiência sensual onde você, e só você, terá o controle de seu próprio prazer!”

image

Eu não sei dizer exatamente o que esperava para este livro mas com certeza não era isso. Embora o subtítulo tenha um conteúdo claro, não foi exatamente eu que decidi como a noite terminou pois algumas de minhas escolhas não me levaram aonde eu queria. Ou melhor, eu escolhi, mas os pensamentos da personagem (que ironicamente deveriam ser meus já que o livro é narrado em segunda pessoa) teoricamente me fizeram mudar de escolha, ou seja, não decidi porcaria nenhuma.

O livro tem personagens interessantes que por quesito de personalidade se diferenciam entre si, mas fazendo vista grossa, percebi que faltarou desenvolvimentos em muitos lugares que acabaram por deixar um espaço gigantesco no conteúdo do livro. Porque muitas das vezes eu tive a sensação parecida com um déjà vu, em que com certeza eu já tinha visto tudo aquilo antes. E no final houve uma falha muito grande da autora em relação a escrita do último capítulo. Porque há uma quebra nas conexões que as escolhas que fizemos para um fechamento digno delas. Como se um pedaço do livro que eu escolhi nunca tivesse acontecido. Assim torna a leitura desconexa.

Quando Uma Garota Entra Em Um Bar é um livro diferente e uma ideia espetacular, mas que porém deveria ter sido melhor pensado e melhor escrito. Porque o final é imutável, independente do caminho que se tenha escolhido passar.

Titulo: Quando Uma Garota Entra Em Um Bar.
Título Original: A Girls Walks Indo A Bar
Autora: Helena S. Paige
Ano: 2013
Editora: Novo Conceito
Avaliação: 🌟🌟

Sonhos – Mari Scotti – Nefilins Livro Dois

A vida que Suzanna conhecia ficou para trás e suas escolhas terão consequências desastrosas sobre seu futuro. Um julgamento foi preparado para condenar sua alma Nefilin e nele será revelada a verdadeira face do mal. Estará o anjo disposto a abdicar de sua posição, de sua alma pura, apenas para salvá-la?

image

Quando você pensa que não existe muita coisa para acontecer na vida de Suzanna você descobre que esta redondamente enganado.

No segundo livro da série Nefilins de Mari Scotti, vemos que o mundo de Suzanna esta de cabeça para baixo. Afinal de contas, a moça sem querer – e põe um sem querer nisso – escolheu o inferno quando salvou Arthur – Pierre e agora ela passará por um. julgamento que decidirá o futuro de sua alma. Eu bem que queria falar mais sobre isso, mas acho que vou acabar dando um mega Spoiler. São tantas coisas que ocorrem neste livro que fica meio dificil tentar mostrar um pouquinho mais dele.

De modo que para esta resenha resolvi falar dois pontos diferentes:

A) Religião: Quando eu comecei a ler Insônia, baseado no fato que era um livro envolvendo anjos, tinha a certeza que uma hora ou outra nós teríamos que chegar ao ponto da religião. Mesmo que no primeiro livro da série tenha sido pouco retratado, neste segundo a autora consegui fazer tudo aquilo que eu não esperava. Por por ser um tema de alto grau religioso eu estava buscando crer que teria mais haver com uma religião que com outra. Mas isto não acontece aqui. Na verdade, pude notar que quase não tem nada de especifico. Tudo que Mari colocou no livro vêem dos conhecimentos antes das religiões serem formadas e eu acho isto genial. Pois não diminui nem faz um auterego – acho que esta é a palavra – sobre as fés existentes.

B) Irmãos: Outra coisa que me chama muito a atenção e que eu comentei com fervor em Insônia foi que eu via algo além do triângulo amoroso entre Arthur, Pietro e Suzanna. Durante a leitura de Sonhos eu pude ter ainda mais certeza disso. Quando você entende as histórias do passado, uma em especial, sobre esses dois irmãos e quem haviam protegido antes, é que a verdade por detrás da rivalidade se expressa. E eu não sei porque mas enxergo Arthur um irmão que quer seu melhor amigo de volta e em Pietro um garoto que acha que é melhor sozinho mas que quer desesperamente ter consolo de novo. Talvez eu esteja apenas fantasiando sobre eles, mas sinto muito isso.

A Mari tem um jeito gostoso de escrever que cria um ritmo fácil de acompanhar que te envolve em mistério, romance e aventura. Um livro emocionante com um final melhor ainda. E quando eu digo melhor quero dizer se prepara que lá vem bomba. É um livro fantástico que todos deveriam ler.

Título: Sonhos
Série: Nefilins – Livro Dois
Autora: Mari Scotti
Ano: 2015
Editora: Independente
Avaliação: 🌟🌟🌟🌟🌟