(Algo À Ver) O Vendedor de Sonhos – Jayme Monjardim

1

Baseado na trilogia do renomado autor Augusto Cury e dirigido por Jayme Monjardim, que tem em seu currículo filmes como Olga (2004) e O Tempo e O Vento (2013), O Vendedor de Sonhos (2016) é um longa que conta a história de Júlio Cesar, interpretado por Dan Stulbach, ele é um renomado psicólogo que sofre com uma série de desgostoso em sua vida, com todo conhecimento de como funciona a psique humana ele não é capaz de se ajudar e decide, através de uma atitude drástica, colocar fim em seu graves conflitos pessoais e familiares. É nesse momento que ele encontra o “Mestre”, um personagem enigmático interpretado pelo Uruguaio César Troncoso, aparentemente um mendigo e que ao conversar com Júlio ele faz um contraponto com tudo que se está passando na cabeça do psicólogo, e é aqui meus amigos que começa a grande jornada do personagem e de onde virão as lições. O caminho dos personagens passa por diversas situações onde o “Mestre” nos concede pílulas de sabedoria.

Apesar de situações clichês e algumas até de possibilidade duvidosa, a obra mostra como as nossas prioridades são questionáveis, como nosso modo de vida moderno pode ser toxico. A trama do filme é bem superficial, os personagens pouco aproveitados, porém atribuo a isso a complexidade de compilar uma trilogia em um filme de uma hora e meia. Com pouco foco na trama, o filme é montado em pequenos esquetes (histórias curtas), que trazem os ensinamentos do mestre, este por sua vez também guarda seus segredos, o que em momentos levam as pessoas a questionar seus ensinamentos.

O roteiro do filme é linear, coberto de jargões de autoajuda, o que é obvio visto que o livro que se baseia é do mesmo gênero. Contudo, acredito que nessa obra tais aspectos técnicos podem ser deixados em segundo plano, para dar lugar ao sentido que está por trás das reflexões que são apresentadas. Diga-se de passagem, essa é uma característica muito forte nos filmes brasileiros, aspectos técnicos não são uma característica marcante, porém são repletos de significados e mensagens que nos fazem repensar a vida, isso é o que me faz gostar do cinema brasileiro, e esse é um caso desse, é impossível você assistir esse filme e não repensar algum aspecto de sua vida.

Um grande abraço a todos e até a próxima!

Revisão de Texto: Raquel Machado

2 comentários sobre “(Algo À Ver) O Vendedor de Sonhos – Jayme Monjardim

    1. Ola! Tudo! E com você? Então, se for avaliar tecnicamente tem bastante pontos que deixa a desejar. Porém as esquetes faz você pensar na vida. E acredito que esse é o maior objetivo do filme.

      Abraços !!!!

      Curtir

Deixe um comentário. Ele será sempre bem vindo e respondido. Caso tenha um blog, deixe o link que assim que der eu irei visitar ;-)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.