| RESENHA | Coraline — Neil Gaiman.

Olá leitores como vão? Hoje a resenha está saindo mais tarde, mas livros mais psíquicos merecem não. É o mês das bruxas e as leituras estão à todo vapor. Contudo, como eu dei uma pequena pausa no terror para ler Corte de Névoa e Fúria com algumas amigas, a resenha de hoje é de um dos meus queridinhos do passado. Coraline do Neil Gaiman que foi o primeiro livro nessa linha ficção psicológica que li e que até hoje me assombra.

image

 

Título: Coraline
Autor: Neil Gaiman
Editora: Rocco
Ano: 2002
Avaliação: 👑 👑 👑 👑 👑 💜
Encontre: Skoob || Amazon || Saraiva || Submarino.

 

SINOPSE:A história de Coraline é de provocar calafrios. A narrativa dá muitas voltas e percorre longas distâncias, criando um ‘outro’ mundo onde todos os aspectos de vida são pervertidos e desvirtuados para o macabro. Ao mesmo tempo sutil e cruel, o autor gosta de desafiar as imagens simples dos livros infantis tradicionais. No livro, a jovem Coraline acaba de se mudar para um apartamento num prédio antigo. Seus vizinhos são velhinhos excêntricos e amáveis que não conseguem dizer seu nome do jeito certo, mas encorajam sua curiosidade e seu instinto de exploração. Em uma tarde chuvosa, a menina consegue abrir uma porta que sempre estivera trancada na sala de visitas de casa e descobre um caminho para um misterioso apartamento ‘vazio’ no quarto andar do prédio. Para sua surpresa, o apartamento não tem nada de desabitado, e ela fica cara a cara com duas criaturas que afirmam ser seus “outros” pais. Na verdade, aquele parece ser um “outro” mundo mágico atrás da porta. Lá, há brinquedos incríveis e vizinhos que nunca falam seu nome errado. Porém a menina logo percebe que aquele mundo é tão mortal quanto encantador e que terá de usar toda a sua inteligência para derrotar seus adversários.

Coraline é o tipo de livro infantil que todos sabemos que foi feito para um adulto ler. Somente nós, jovens e adultos conseguimos entender por entre as linhas da história criada tanto para encantar como para assombrar por Neil Gaiman. É um livro que conduzido através da sutileza que relembra os medos da infância e os desejos mais profundos do seu coração. Todos nós em algum momento da vida já pensamos em querer morar em um mundo perfeito. Um mundo onde não há cobranças e tudo é extremamente divertido. Um mundo onde as pessoas são incríveis e nada de ruim pode nos alcançar. Neil Gaiman te mostra que esse mundo talvez exista e que talvez ele esteja ali dentro do seu armário. E para entrar nele, você só precisa girar a chave e pagar o preço que ele exige.

Dono de uma linguagem sutil e poética, Neil Gaiman escreve um livro grandioso com simplicidade. Ele te diz o básico para que com aliadas à essas informações sua própria mente termine de criar as situações e as imagens. Gaiman brinca então com seu próprio imaginário. Você é dono do monstro atrás da porta que é moldado como um Frankstein; feito de variadas partes do seu próprio medo. Assim Gaiman cria uma história onde tudo é possível buscando nossas raízes em uma escrita sutilmente tenebrosa.

Neil Gaiman também cria bastante profundidade em seus personagens mesmo se tratando de um livro curto. Com frases pequenas, mas muito dito nelas, cada um consegue se tornar inesquecível ao seu modo. Ao criar dois mundos diferentes, Gaiman cria personagens que também são muito diferentes. Há tanta dualidade em cada um que é impossível não se pegar pensando no que cada pessoa esconde. Se o limite entre o real e o imaginário é uma porta, então talvez o limite entre uma boa pessoa e uma má sejam as convenções sociais. Em um mundo onde não há regras, cada um de nós poderíamos ser o que quiséssemos seja bom ou não. Tal perspectiva é deixada a vista do leitor durante todo o livro. Para que ele perceba e se pergunte o que é ou não real em nosso mundo.

Coraline
é um livro que marcou minha vida como leitora e como pessoa. Neil Gaiman é um dos maiores nomes da fantasia porque trás o mundo real de forma sutil para dentro de suas páginas. Ler este livro é como abrir o armário dos medos e finalmente enfrentá-los.

42 Respostas para “| RESENHA | Coraline — Neil Gaiman.

  1. Olá, adorei a resenha e se eu te disser que quando eu era criança comecei a ler esse livro, mas não terminei devido não estar entendendo bem o contexto, mas agora sei porquê eu não tinha entendido ele naquele momento, quando eu tiver tempo vou iniciar novamente a leitura. Adorei seu blog bjs 🙂

    Curtido por 1 pessoa

  2. Olá!
    Já ouvi vários comentários positivos desse autor, e a cada resenha que leio sobre os livros dele, me instiga cada vez mais a querer ler alguma obra do mesmo.
    Ainda não conhecia esse livro, mas parece ser extremamente interessante.

    Beijão

    Curtido por 1 pessoa

  3. Olá! Tudo bom?
    Eu lembro que há muito tempo atrás eu fiz um paralelo entre o livro do Neil e a adaptação do Tim e esses dias eu fiquei com vontade de trazer esse paralelo para o meu blog novo. Mas para isso, preciso ler o livro novamente, pois já me esqueci e perdi o conteúdo do meu blog antigo.
    Gostei das suas impressões, elas diferem das minhas, mas é aí que está a graça!
    Beijos!
    5 O’clock Tea

    Curtido por 1 pessoa

  4. Nunca li nada do Neil Gaiman, mas tenho muita vontade! Já vi esse livro mas nunca realmente parei para ler sobre o que se tratava. Adorei a sua resenha. Achei muito interessante ele tratar do limite entre o real e o imaginário. Com certeza é um livro infantil escrito para adultos como você descreveu no início. Com certeza eu quero ler esse livro e me aventurar nesse mundo mágico do Neil Gaiman! Muito obrigada pela dica Jess ♥ Vou querer ter essa história na minha estante.

    Curtido por 1 pessoa

  5. Uau! Que resenha fantástica! Esse livro esta na minha meta de livros q preciso ler na vida, aquele tipo q é quase obrigatória pq a gente sente q é importante, sabe? Eu ja sei q vai me marcar tbm. Sempre quis ler algo do autor. Ele sempre me chamou a atenção e agora eu estou ainda mais curiosa, adoro suas resenhas, vc se expressa muito bem. Parabéns! Bjocasss

    Blog: leiacantando.blogspot.com

    Curtido por 1 pessoa

  6. Nunca li nada dele. Eu tenho aquele Oceano no fim do caminho e nunca li! Kkkk.
    Mas esse eu fiquei com vontade de ler quando vi uma edição que tem uma jacket transparente.
    Eu fiquei louca na época, mas tava muito caro, depois nunca mais vi.
    Depois dessa sua resenha eu voltei a querer comprar. Vou até dar uma pesquisada.
    Espero gostar tanto quanto você!

    Beijos
    Literatura Estrangeira

    Curtido por 1 pessoa

  7. Eu morro de vontade de ler esse livro, parece ser muito incrível! Já vi outra resenha muito positiva sobre ele, e a sua me deixou ainda mais curiosa. Foi uma resenha maravilhosa!

    Um beijo, Pri.

    poramoraoslivrospri.blogspot.com.br

    Curtido por 1 pessoa

  8. Oi, Jéssica 🙂
    Eu sou simplesmente apaixonada pelo jeito que você escreve (penso até que você deveria escrever um livro).
    Eu, queria bastante esse livro, mas infelizmente os valores não são nada atrativos :(. Eu tambem não sabia que essa narrativa era tão intensa, o que me fez querer ainda mais lê-lo.

    Agradecida pela dica.

    Beijos,
    https://capituloquinzee.blogspot.com.br/

    Curtido por 1 pessoa

  9. Olá!

    Amo suas resenhas, sempre pontuais e esclarecedoras, faz um bom tempo que ouço falar desse livro mas nunca havia desejado o ler – não sei bem o motivo rs – porém agora fiquei interessada tanto na escrita do autor quanto como ele aborda isso. Parabéns!

    Um beijo, Carol
    blogcomv.org

    Curtido por 1 pessoa

  10. Oi Jess! Meu mês tá bem flop de leituras, não consegui chegar nem metade do que programei hahaha 😡 Então, eu amo Neil Gaiman, Coraline foi o meu primeiro contato com ele, lembro que quando li esperava algo mais bobo, e a história me pegou muito de surpresa! Ainda não assisti o filme, vou tentar em breve. Adorei a resenha, fiquei com vontade de reler ❤

    Curtido por 1 pessoa

  11. Nossa que livro intenso =0 =0.
    Estou chocada!!!
    Não imaginava que era dessa forma.
    Deve ser um livro e tanto mostrando tantos contrastes, que nada verdade fazem parte de nós mesmo. Me interessei pela história apesar de não fazer meu estilo de leitura. Sua resenha ficou simplesmente incrível, faz a gente querer conhecer logo essa obra incrível. Anotado aqui a dica de leitura.
    Beijos.

    http://naturezaliteraria.blogspot.com.br

    Curtido por 1 pessoa

  12. Cada vez que alguém fala de Gaiman eu sinto que tô perdendo tempo em não ler hahaha acho que já comentei isso com vc!
    Adorei a resenha, curto muito esses livros que parecem infantis, mas são bem fortes e encantam os adultos!

    osenhordoslivrosblog.wordpress.com

    Curtido por 1 pessoa

  13. Ei! Tudo bem?

    Sou apaixonada pelo filme, assisti quando era pequena e apesar do medo, vivia vendo. Comprei o livro na minha primeira Bienal, mas eu não conseguia ter vontade de ler na época (sim, isso já foi possível). Hoje em dia, não sei porque não peguei para ler ainda, mas tenho certeza que depois da sua resenha, vou correndo na minha estante para pegar meu exemplar!

    Beijos e obrigada por despertar a curiosidade em mim novamente!
    Blog | As 365 Cores do Universo

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário. Ele será sempre bem vindo e respondido. Caso tenha um blog, deixe o link que assim que der eu irei visitar ;-)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.