|RESENHA| Quem É Você, Alasca? – John Green

Sinopse: Miles Halter é um adolescente fissurado por célebres últimas palavras – e está cansado de sua vidinha segura e sem graça em casa. Vai para uma nova escola à procura daquilo que o poeta François Rabelais, quando estava à beira da morte, chamou de o ‘Grande Talvez’. Muita coisa o aguarda em Culver Creek, inclusive Alasca Young. Inteligente, engraçada, problemática e extremamente sensual, Alasca levará Miles para o seu labirinto e o catapultará em direção ao Grande Talvez.

alasca-capas

(Essas são algumas das capas do livro. São lindas. Acho que tenho uma leve tendência a gostar de livros de capas escuras. E as capas dos outros países são as coisas mais belas deste mundo.)

Bom, sinceramente Quem é você, Alasca? é um livro do qual eu fugi por um bom tempo. E por quê? Eu não sei.

Quando se fala em John Green logo se lembra de A culpa é das estrelas (livro que eu realmente amei), então por que não ler outro livro dele? Eu. Não. Sei!

ff43f38d-9860-416d-bfac-7dbe16459682.jpg

Vamos ao interessa.

Quando eu fui ler (recentemente) Quem é você, Alasca? eu já sabia o que acontecia (acho quase todos sabem, mas não vou dar spoilers), por isso me interessei em ler, por que realmente é um tipo de livro que eu gosto, então aí vamos nós.

Se formos olhar o livro e a história numa visão geral e superficial, ela até poderia parecer um clichê (se bem que esse livro foi publicado há 10 anos), vejamos:

O livro começa com Miles, um rapaz magricelo, desinteressante, sem amigos e com uma certa habilidade (e paixão inexplicável) em decorar as últimas palavras ditas em vidas por pessoas famosas, se mudando para um nova escola, Culver Creek, Médio que fica em outra cidade, assim tendo que deixar sua família, onde rira cursar o Ensino.

Ao chegar, conhece de cara o Chip, seu colega de quarto, Alasca, por quem se apaixona, Takumi e depois Lara, com quem tem um casinho arranjado pela a própria Alasca. (Ops, spoilers!) Eles se tornam amigos, fumam, bebem, aplicam “trotes” e a vida patética de Miles ganha um pouco de sentido. Clichê, não é mesmo? Até parece uma série americana de TV.

46246cc1-9fd2-4807-8403-4ccea786deba.jpg

Mas agora, se formos parar para analisar mais profunda e detalhadamente, Quem é você, Alasca? fala de amizade, lealdade e medo. Tem o romance, sim, mas não é necessariamente o centro de tudo. O autor foca questões existenciais: “Para onde vamos depois da morte?”, “Como escapar do sofrimento?” e tudo isso sem se tornar autoajuda.

Bom, depois que Miles chega a Creek, conhece seus amigos e se apaixona por Alasca, tudo se desenrola tão naturalmente que até podemos sentir que estamos realmente na história. Eles dão início aos “trotes” em outras pessoas da escola, pessoas ricas consideradas idiotas e babacas, por serem vazias e supérfluas, e por também terem pregados peças neles. Esse tipo de vingança acontece enquanto bebem e fumam muito.

O que me deixa: “Huuum… Será que isso acontece mesmo na vida real?” foi o fato de, apesar de beberem, fumarem, infringirem regras da escola e aplicar trotes, eles são muito estudiosos e leem muito (Principalmente Alasca, que tem no quarto de alojamento dezenas de livros), o que não compactua muito com a realidade. Pelo menos não pra mim.

Mas fora isso o livro é muito… Qual a palavra certa? Hum… Inspirador. E reflexivo. Mas não de uma forma comum e corriqueira, ou até chata. Mas de uma forma instigante e que cativa o leitor. Motiva a todos a irem atrás dos nossos Talvez e querer descobrir coisas novas. Descobrir respostas quando algo totalmente inesperado e incógnito acontece ou quando coisas do cotidiano não fazem sentido.

Frases do livro:

“Chega uma hora em que é preciso arrancar o Band-Aid. Dói, mas pelo menos acaba de uma vez e ficamos aliviados.”

“Todos nós temos dias de acordar com o pé esquerdo, cara. Você precisa aprender a conviver com as pessoas.”

“Eu queria ser uma dessas pessoas que têm uma sequência a manter, que chamuscam o chão com sua intensidade. Mas agora, pelo menos, eu conhecia pessoas desse tipo, e elas precisavam de mim como  um cometa precisa de uma cauda.”

“Posso morrer jovem, mas pelo menos morro inteligente.”

“Não posso ser uma dessas pessoas que ficam sentadas falando que pretendem fazer isso e aquilo. Eu vou fazer e pronto. Imaginar o futuro é uma espécie de nostalgia.

“Se as pessoas fossem chuva, eu era garoa e ela, um furacão.”

Título: Quem é você, Alasca?

Título original: Looking for you, Alasca?

Autor: John Green

Editora: Intrínseca

Ano de publicação: 2010

Avaliação: 🌟🌟🌟🌟🌟

Anúncios

17 comentários sobre “|RESENHA| Quem É Você, Alasca? – John Green

  1. Camila Mondaini disse:

    Eu costumo dizer que tenho um gosto muito peculiar por livros pois até hoje fujo do John Green como um vampiro foge do sol ou do alho, não sei né kk
    Na verdade eu não gosto muito da escrita dele, mas fico imensamente feliz por saber que você apreciou a leitura e que mesmo já sabendo o que iria acontecer você gostou de ler, então teve um impacto positivo, isso é muito bom!
    Enquanto a mim, vou continuar fugindo dele, mas quem sabe um dia eu mude de ideia não é mesmo?

    beijinhos ♥

    http://leiturize-se.blogspot.com.br/

    Curtir

  2. Mirelle Almeida disse:

    Eu já li Quem é você Alasca? e gostei. O Jhon sabe bem trazer esses temas existenciais sem parecer chato, e isso é muito legal!
    Gostei da sua análise do livro. Realmente, esse poderia se tornar mais um livro clichê, mas se analisarmos bem ele trabalha com questões maiores que vale a pena conferir.

    Um abraço e parabéns pela resenha!

    Curtir

    • Hemerson Prada disse:

      Obrigado pelo o comentário.
      Sério, eu chorei muito quando eu li ACEDE. Tava na escola quando cheguei na parte em que o Gus morreu e foi tipo: KRL! Não posso chorar aqui na escola. E fui obrigado a parar de lê. Tambem gosto de WILL e WIL, muito engraçado. JOHN GREEN é um gênio!

      Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s